Pesquisar este blog

domingo, 7 de setembro de 2014

Coração do Inocente


Coração do inocente (by Kraudião)

A dúvida resolveu aparecer do nada,
Trouxe também suas filhas: a incerteza e a suspeita.
Sua filha, a incerteza, nocauteou o coração do inocente.
A outra filha, a suspeita, dominou de assalto a imaginação.
Elas queriam se instalar sorrateiramente e garantir ali sua morada,
E de repente esta vontade foi crescendo em querer ocupar um lugar.
###
A dúvida fazia uso de artifícios nada ortodoxos em seus objetivos,
Silenciosamente se apresentava sagaz e logo se escondia.
As filhas fingiam perfeitamente em serem amigas da imaginação,
Puxavam conversas diversas, porém desconexas para distraí-la.
Não davam muito espaço para que a inteligência se aproximasse.
###
A dúvida quase sempre entorpecia a mente e o coração do inocente,
Isso o deixava quase desnorteado por não saber do que se tratava.
Procurava analisar os fatos e nunca achava algo relevante,
Nos momentos em que a dúvida descansava era sua oportunidade.
Mas logo as filhas se apresentavam na ausência da sua mãe,
A incerteza lançava suas sementes no campo fértil da imaginação,
Sua irmã, a suspeita, regava o terreno com possíveis culpas e medos.
###
A dúvida estava muito feliz com suas filhas reunidas,
Ficaram um tempo instaladas e quase tomaram conta do pedaço.
Até que a inteligência percebeu que algo estava muito estranho
Resolveu se aproximar do coração do inocente bastante inquieto,
De imediato a consciência sempre vigilante se apresentou.
Não teve dúvida, incerteza ou suspeita queriam permanecer por ali.
A inteligência logo colocou ordem na casa com a análise dos fatos,
A consciência benevolente aquietou e acolheu o coração do inocente.
###
A dúvida,a incerteza e a suspeita deram lugar a plenitude absoluta.
A imaginação voltou a sonhar tranquila no coração do inocente,
A inteligência se prontificou em nunca mais vacilar na vigilância,
A consciência lavou a alma deixando-a completamente sem impressões,
O coração do inocente voltou a bater compassado e feliz pelo seu presente.
Aprendera do passado que apenas as lições compreendidas liberta da confusão,
Esperava agora por futuro livre, desafiador e emocionante como sempre vivera.

Salvador-BA, 07 de Setembro de 2014.