Pesquisar este blog

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Vem cá, meu bem!!



Vem cá, meu bem! (por Kraudião)

Quero minha boca na sua a experimentar teu sabor,
Néctar de desejo que quero intensamente degustar.
Meus lábios imprimindo nos teus toda minha vontade,
Tesão reprimido a ser libertado num beijo demorado,
Sabores misturados de muita libido e coreografias ensandecida.

Quero meus braços enroscados e apertados na tua cintura fina,
Firmemente teu corpo contra o meu sem distância alguma.
União perfeita em cada encaixe do côncavo e convexo,
Unidade vibrante e efervescente que acelera o coração.
Coesão bem definida e afim entre nós difícil de afastar,
Energia crescente e pulsante que emana dos nossos sexos.

Quero minhas mãos explorando cada canto do teu ser,
Elevando mais ainda a excitação de brincadeiras preliminares.
Toques mágicos exatos recíprocos antes, durante e depois,
Sensorialidade explorada, além do limite, ao máximo do prazer.
Domínio total dos impulsos no teu corpo sob meu controle,
Teus cabelos longos, minha guia a te conduzir a suspirar.

Quero ouvir de sua boca sussurros e súplicas de amor,
Instigando cada vez mais minhas fantasias com você.
Espero que consiga fazer o mesmo comigo com paixão,
Ultrapassando todas as fronteiras da sua doce sacana timidez.
Em teus ouvidos, além das palavras, minha língua com fervor.
Nos mamilos eriçados da sensação, minha boca molhada,
Suga toda tua satisfação em ser mais mulher comigo.
Minhas mãos massageiam com a devida força e pressão,
Tua bunda desnuda intrépida gostosa e coxas firmes roliças.

Quero explorar tua parte mais sagrada a ser profanada por mim,
Dedicar a devida milimétrica atenção e carinho por horas sem fim.
Te provocando com jeito e muito gosto até te deixar louca,
Meu prazer será o mesmo que o teu e na mesma exatidão.
Juntos seremos apenas um pulso de êxtase quase final,
Pois muitas serão as novas tentativas de retornar para esta dimensão. 

Noites adentro apenas eu e você como peregrinos do prazer,
Esta é a minha proposta para você, querida minha.
Menina-mulher intrigante, sedutora, tímida e linda.
Acho que mesmo antes, quanto agora, já te disse tudo!
O que mais está faltando para você mergulhar também?
Será o medo que ronda de algum passado recente?
Por ora, nada mais de novidade tenho a te dizer!
E o que tenho a esperar, a partir de agora, de você?
Não sei quanto tempo mais ainda serei paciente!
Me queira logo e vamos este impasse resolver!
Basta para isso você querer e me chamar,
 Qualquer dia desses... Vem cá, meu bem!

Salvador-BA, 20 de Dezembro de 2013.