Pesquisar este blog

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Na rede

 Na rede (por: Kraudião)

São tantas relações com o mundo.
Seres, pensamentos,coisas e tantos outros objetos,
Uma psiquê plenamente subjetiva ou de fatos concretos.
Diferente opiniões que alimentam debates interessantes,
Formas de enxergar o mundo por uma outra lente.
Foco no discurso e tento aproveitar algumas lições,
Nem sempre o outro está pronto e o papo não rende.
Em outras ocasiões, a confusão se amplia
Diante de tantas certezas da verdade,
Pensamentos díspares que embotam a minha razão.
Encontrar o fio da meada diante desse
Cenário nem sempre é possível.
Às vezes chego a ficar emaranhado nessa rede.
O que fazer para compreender tantas diferenças
É o maior dos desafios para quem quer se iluminar.
Ser mais compreensível pode ser um melhor
Caminho do que querer ser compreendido.
Esforço gigante pra quem está começando,
Uma simples rotina secular dos grandes homens.
Apresentar, discutir e revelar como fazer a grande síntese.
Integrar-se na mais diferentes coisas do mundo,
Um processo definitivo e natural.
Quem justifica o que não sabe
Atesta o quão distante ainda falta chegar,
Pois se encontra emaranhado na rede,
Aflito e debatendo-se como peixe
Que não concebe outra forma de respirar.

Salvador-Ba, 29 de Abril de 2010.